A oitava edição do Festival foi inovadora e contou com mais de 340 obras inscritas em 25 categorias, além de palestras no FICC MARKET com profissionais renomados do audiovisual, com temas atuais. 

O Festival Internacional de Cinema Cristão – FICC encerra sua VIII Edição marcado por premiações de filmes das cinco regiões do país e exterior e 15 palestras no FICC MARKET. 

Realizado entre os dias 02 a 05 de março, totalmente online e gratuito no site do Festival, o FICC foi gravado na Biblioteca-Parque Estadual no Rio de Janeiro e também estreou a categoria específica de Inclusão Social, tanto para diretores quanto para pessoas com deficiências visuais e auditivas. Todo o evento contou com intérprete de Libras.

A jornalista e apresentadora Aurora Bello e o ator e diretor André Segatti apresentaram o Festival e, como medida especial de prevenção ao Coronavírus, todos os premiados receberão as estatuetas e premiações em casa. 

O FICC é realizado pela Agenda Cultural Brasil – Bauer Brendler Produções e Promoções Artísticas e esse ano teve o Patrocínio do Governo Federal, Governo do Estado do Rio de Janeiro, Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, por meio da Lei Aldir Blanc. O projeto recebeu a nota 98,17 na classificação.

O Festival Internacional de Cinema Cristão é um evento cultural que promove filmes que fomentam os valores, a inclusão social, o socioambiental, projetos esportivos, educativos e sociais. Premia os melhores filmes em suas categorias e orienta o processo criativo, articulando conhecimentos técnicos e de produção, oferecendo ferramentas para o desenvolvimento e fomento de novas produções.  

O FICC é chancelado com o Selo IEVA – Instituto Eventos Ambientais, como evento sustentável. 

 

Cerimônia de Premiação

Além de participar das palestras com diversos conteúdos, temas atuais conectados a um novo olhar e oportunidades, todos os inscritos e convidados assistiram, de casa, à Cerimônia de Premiação. 

Na categoria Longa Metragem: “O Novo Governo”, do diretor Fernando Nunes, levou 6 das 10 estatuetas possíveis, e “Karsmenia”, do diretor Bellamir Freire, 4 estatuetas. 

A festa teve início com a exibição de um vídeo contando a história do FICC, narrado pela produtora cultural e criadora do Festival, Verônica Brendler. Seguido por apresentações musicais, depoimentos e participação especial, em vídeo, de parceiros do FICC e da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, Danielle Barros, que este ano participou do evento virtualmente. 

Ao todo, 25 categorias foram premiadas, reconhecendo talentos, dedicação, superação, desafios e muito trabalho de cada ator, diretor, produtor, roteirista, artistas e músicos que apresentaram os seus trabalhos no FICC.

Também foram Certificadas a Imagem Filmes, distribuidora que mais exibiu filmes da família nos cinemas nacionais em 2020, a TV nacional, a Bem + TV, e a TV SAT 7, como TV estrangeira. 

 

FICC na Europa

A próxima edição do FICC será realizada na Europa onde a produtora cultural e cineasta Verônica Brendler, que tem incentivado muitos profissionais à capacitação no mercado de trabalho nacional e internacional há 28 anos, irá treinar profissionais do audiovisual e abrir frentes de produções e coproduções Brasil e Europa.

 

Lista dos filmes premiados

 

Melhor Filme: O Novo governo

Melhor Ator: Helton Luiz – O Novo Governo

Melhor Atriz: Jeane Moura – O Novo Governo

Melhor Ator Coadjuvante: Antônio Carlos M Junior – O Novo governo

Melhor Atriz Coadjuvante: Anna Fontanele – Karsmenia 

Melhor Roteiro: O Novo Governo

Melhor Fotografia: Karsmenia

Melhor Direção de Arte: Karsmenia

Melhor Figurino: Karsmenia

Melhor Trilha/Musica: O Novo Governo

Melhor documentário: É Só Isso Aqui – 30 Anos De Resgate

Curta Metragem: O Véu De Amani

Media Metragem: O Menino Das Estrelas (Starboy)

Melhor Clip: Me Prostro Aos Teus Pés

Melhor Animação: O Celaticomus

Melhor Produção Do Minuto: Circo Flutuante

Melhor Serie: Fora De Série 2ª Temporada

Melhor Filme Estrangeiro: Torturado Por Cristo

Melhor Game: Guerra Dos Reinos

 

TEMÁTICOS: 

Melhor Filme Esportivo: Lutar

Filme Evangelístico: Vida Plena Botswana

Melhor Filme Teen: Bequadro

Melhor Filme Socioambiental: Sobre Viventes No Jardim

Melhor Inclusão Social: Sinal Vermelho

Melhor Roteiro Não Produzido: Jesus Rock