A luta de Nelson Kiyomitsu Tamashiro, pai de Yudi, contra a Covid-19 terminou na manhã desta quarta-feira (31). A doença venceu o senhor Nelson, aos 56 anos, que estava internado desde o último dia 15 no Hospital Municipal Santa Ana, em Santana de Parnaíba (SP).

A informação foi confirmada pela assessoria de Yudi Tamashiro através de uma nota à imprensa. “Tamashiro deixa esposa e dois filhos. Por conta do momento que vivemos, o velório será restrito aos familiares mais próximos e o sepultamento ocorrerá em seguida. A família agradece todas as orações e demonstrações de carinho”, escreveu a equipe de comunicação.

O cantor e dançarino perdeu o pai logo após sua mãe ter sido curada da Covid-19. Tânia e Nelson passaram pelo problema praticamente durante o mesmo período. Nesta semana, dia 28, Yudi postou um vídeo em suas redes sociais anunciando a saída da mãe do Hospital Polinorte, em Osasco.

Em 16 de março, Yudi deu início a uma campanha de oração pela família. Ele foi filmado várias vezes louvando e orando em frente às unidades em que os pais estavam internados, sendo um dos pioneiros nesse ato de fé.

Depois disso, cristãos ao redor do Brasil começaram a se reunir para orar em favor de pacientes e profissionais nos centros de saúde. Muitas igrejas se juntaram à prática e as gravações correram o país.

Assim que Tânia foi liberada, o foco do clamor voltou-se para Nelson. Ele havia sofrido uma parada cardíaca antes da intubação e também apresentou saturação nos rins. Durante essa fase complicada em que a família se encontrava, Yudi convocou os seguidores para intensificarem a intercessão pelo pai. Ontem à noite, porém, Nelson não resistiu às complicações da doença.

Em seu Instagram, Yudi homenageou o pai publicando o versículo muito conhecido escrito pelo apóstolo Paulo: “Combati o bom combate, terminei a corrida, guardei a fé”, (II TIMÓTEO 4:7)

 

Te amo meu pai”, encerrou o filho no post.