Há cerca de 2 semanas cristãos a caminho de uma celebração de Páscoa foram sequestrados em um ônibus na Nigéria. Na época, os sequestradores pediam o pagamento do resgate às famílias e igreja envolvidas.

A boa notícia é que todos os membros da Igreja Cristã Redimida de Deus (RCCG), em Kaduna, foram libertados, de acordo com o pastor sênior, Enoch Adeboye. Desde o dia 26 de março, o líder estava trabalhando em conjunto com a polícia local para que todos fossem libertos sãos e salvos.

A cidade de Kaduna fica no Cinturão Médio da Nigéria onde, também, pelo menos 240 cristãos foram mortos em ataques de terroristas islâmicos desde o início de julho de 2020. 

Quando o fato aconteceu, a igreja informou que os membros estavam viajando para a cidade de Kafanchan. Eles pretendiam participar do programa de Páscoa “Vamos pescar”, quando foram retirados e levados para outro veículo.

Agora, com a soltura dos irmãos em Cristo, o pastor comemora e agradece a Deus por ouvir as orações. “Glória a Jesus. Oramos por uma paz duradoura em todas as regiões problemáticas do país em nome de Jesus”, declarou.

De acordo com a igreja, a libertação ocorreu no dia 8 de abril e, no mesmo momento, todos foram encaminhados a um hospital para receberem os primeiros cuidados. Nos últimos tempos, a Nigéria tem sido palco de sequestros e ataques, por isso, as lideranças religiosas pedem orações pelo país.